Seguidores

Cantinho da Aracy Headline Animator

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

A história da saia para o box do colchão

No final do mês passado fiz uma postagem contando que tinha terminado a "saia para o box do colchão da minha filhota", pois é estava certa de que tinha liquidado este assunto, mas...

Ah! Quando aparece um mas...!!!!!!

Minha filha levou para casa e quando foi no dia seguinte me contou que não foi possível colocar na cama, fiquei arrasada e meio desanimada...rsrsrs, seria necessário retomar a peça e ver o que era possível.
Fui até lá e com ela trocamos idéia do que poderia ser feito e depois de conversar e tirar medidas, peguei um papel, fiz anotações e trouxe pra casa.
Há umas duas semanas, depois de entregas do Love Quilts Brasil no GRAACC, fui para a 25 de março para comprar velcro, agora já tinha em mãos o material
Não consegui ter tempo para mexer, o mês estava correndo e eu ficando incomodada com isto, mas nesta semana chegou o momento.
Papelzinho com anotações, foi preciso recortar um retangulo do centro, marcar as medidas, fazer recortes e então passei costura zigzag em tudo.
Comprei velcro comum e também velcro com cola adesiva.
O velcro comum preguei à máquina em toda a volta e, depois, separei o material que seria necessário para fazer a colocação lá no box: velcro, fita métrica, régua, caneta , tesoura e meu precioso papelzinho com as anotações das medidas...rsrsrsrs.
Ontem no final da tarde pegamos a neta na escola e fomos direto pra lá, chegamos rapidinho e eu subi pra terminar o trabalho.

Deixa primeiro eu mostrar porque não tinha dado certo, vejam a foto abaixo:
Quando eu tirei as medidas para fazer a saia do colchão, não abri e não tinha visto que tinha este mecanismo por conta da sustentação do colchão, é diferente das camas que tem gavetas, então como tinha feito a peça inteiriça para vestir na parte de baixo não funcionou, então tiramos as medidas exatas.
Como já comentei acima, comprei velcro, costurei na saia e agora ia marcar toda a linha na altura adequada para colocar o velcro adesivo por dentro do box e então afixar a saia
A seta da foto acima marca a colocação do velcro, estamos olhando por dentro do box já com a saia colocada.
Pronto, vejam só como ficou, deu certinho, creio que valeu o trabalhão e aprendi muito inclusive com os erros e adaptações que aconteceram para chegar a este ponto.
Vamos abaixar o colchão e arrumar a cama para ver o resultado final???
Abaixa o colchão que já estava com lençol de forrar, ajeita o lençol, coloca lençol de cobrir e já ficou linda, até porque este lençol faz um compose, imita jeans, mas calma, ainda vou colocar a colcha que já terminei há um tempinho, lembram? Não, então veja aqui.

Nossa, não estou no meu computador, ele pifou e foi pra oficina...  e esta foto ficou estranha...kkkkkk, depois com calma eu troco, agora preciso correr, já gastei muito tempo neste post.
Enfim, trabalho concluído e estou feliz por isso.
Até outra hora

Oba! Finalmente agora, dia 08/10, consegui trocar a foto e parece que agora ficou em, ordem, vamos salvar pra ver...rsrsrs




quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Costurando depois de muitos dias, delícia!

Via Flickr:
Nossa, essa semana consegui costurar um pouco, que delícia, foram quase 3 semanas sem ter tempo de sentar em frente minha companheira de trabalho, voltar a atividade me fez um bem enorme.
Se for possível ainda hoje mais tarde conto e mostro mais.

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Família é bênção de Deus

Como é bom ter momentos especiais, alguns só nossos, outros com pessoas queridas
Gosto muito de estar em família, tanto pensando na família menor como de forma mais ampla e, neste último final de semana tive momentos especiais em família.
Maridão tinha uma reunião pela manhã, saiu bem cedinho no sábado, eu fiquei aqui, dormi até mais tarde, que delícia!
Depois tomei um banho com calma, desci e preparei um café pra mim, isto mesmo, só pra mim, era o meu momento.
Granola com suco de abacaxi, cheiro de café fresquinho saindo da cafeteira e fatias de pão integral light pulando quentinhas da torradeira, depois de ter feito meu momento devocional tomei meu café curtindo cada sabor.
Era aniversário da minha cunhada (foto acima), eles moram em outro estado e nos vemos muito pouco, liguei para cumprimentá-la, mas ela não estava em casa e eu fiquei conversando com meu mano por aproximadamente uma hora. Compartilhamos algumas coisas sobre nossa vida diária, inclusive algumas dificuldades, mas demos muita risada lembrando alguns fatos e foi super especial este papo com tanta troca de carinho.
Quando já estávamos para desligar, minha cunhada chegou, então pude cumprimentá-la e papear um pouco com ela, temos muitas afinidades e nos amamos muito, então nossa conversa geralmente é muito aberta e sincera, rimos e choramos juntas e quando desliguei o telefone estava muito satisfeita por todo aquele tempo de conversa com eles dois.
As fotos acima são de pouco mais de dois anos, quando eles - Me e Má -  comemoraram bodas de prata.

O dia seguiu, resolvi algumas coisas aqui e fui para a cozinha adiantar almoço para domingo: refoguei a carne moída, quando estava bem soltinha separei um pouco para o almoço da neta, tratei de colocar molho no restante, deixei apurar e preparei um manjar branco para sobremesa.
Bem, a esta altura, mexendo com tanta comida, já estava morrendo de fome, já beirava as 14 horas...rsrsrsrs

Você já comeu misturinha?
Um prato que eu amo e minha mãe fazia sempre quando éramos crianças, afinal era a forma de aproveitar o que tinha a matar a fome da criançada.
Tratei de preparar uma pra mim, mas com um toque de "chef"...rsrsrsrs
Azeite na panela, refoguei alho e depois quebrei um ovo que tinha batido levemente com um garfo misturando clara e gema com uma pitada de sal. Deixei que o ovo fosse cozinhando e fui mexendo.
Depois do ovo pronto, juntei uma sobrinha de feijão e também de arroz que estavam cozidos, uma azeitona preta picada, cubinhos de queijo minas, alho frito e orégano, pronto, coloquei no prato e polvilhei por cima salsinha purpurina.
Pra acompanhar salada de escarola cortada em tirinhas com sementes de linhaça, temperada com azeite, sal e limão.

Depois deste almoço gostoso, como diria minha sogra, nem o presidente comeu tão bem quanto eu neste dia...rsrsrs, fui guardando algumas coisas e lavando a louça que já estava sobre a pia, nisto, tocou o telefone e para minha surpresa era uma de minhas melhores amigas, Maria Helena, que se mudou daqui para outro estado há 11 anos e há tempos não nos falávamos, hoje o pouco contato é virtual.
Ela tinha vindo a São Paulo para passar com o filho caçula o dia do seu aniversário, não disse no título? Família é bênção de Deus.
Eu e minha amiga que também faz parte de uma grande família que eu tenho, a família de Deus, pudemos conversar bastante e contar as novidades, relembrar coisas antigas e foi mais um momento de muita expressão de carinho, fiquei muito feliz.

Enquanto estava falando com ela meu maridão chegou, que bom!
Fico feliz que ele tenha suas atividades e envolvimentos com grupos de trabalhos e reuniões, isto é necessário para nossa saúde física, mental, emocional e espiritual, eu também desenvolvo minhas atividades e nós dois nos apoiamos e nos incentivamos valorizando as coisas que cada um gosta de fazer, bem, mas quando ele chega fico ainda mais feliz, é bom tê-lo por perto.
Ele já tinha almoçado, então foi dar uma descansada e eu fui terminar de cuidar das coisas na cozinha, montei as lasanhas, fiz a calda do manjar e deixei a pia em ordem.

O dia já tinha sido maravilhoso com tantos momentos especiais e cheios de carinho, mas à noitinha fomos buscar a filhota e a neta e nós quatro seguimos para a casa dos sobrinhos Camila e Marcelo que se casaram em fevereiro deste ano e tinham nos convidado para comer uma pizza e conhecer o apartamento. A noite estava fria e eles moram no lado oposto da cidade, mas rapidinho estávamos lá, afinal sábado não tem trânsito, que bom!
Fiquei tão feliz por ir lá e ver o grande amor de Deus para com a vida deles.
A Caca nos mostrou todo o apartamento que está uma graça, o Marcelo brincou com a Gabi e ela ficou toda feliz. Depois nos serviram entradinhas e refrigerantes enquanto esperávamos chegar a pizza que estava muito gostosa também, arrematamos com torta de morango e um café expresso maravilhoso.
Foi uma noite muito gratificante, nos sentimos muito acolhidos por este novo casal e louvei a Deus por aquilo que Ele tem feito e por aquilo que fará, saímos de lá super contentes.

Depois deste dia intenso hora de descanso, afinal domingo teríamos mais cencontros gostosos.

Levantamos e como fazemos sempre aos domingos fomos para a Igreja Metodista em Santo Amaro para o culto matutino e escola dominical, uma manhã de bênçãos, Deus falou aos nossos corações.

Quando voltamos já encontramos o papai, a mamãe e sua cuidadora nos esperando, corri para a cozinha, coloquei as lasanhas no forno e enquanto elas assavam, eles ficaram assistindo um DVD e o maridão arrumou a mesa grande no maior capricho.
Rapidinho chegaram os filhos, primeiro o Edu com a Carol e trouxeram tortas para a sobremesa, teríamos rodízio de doces...rsrsrs. Trouxeram também o álbum de casamento e o DVD e já ficaram vendo com os avós.
Em seguida chegaram a Eli e a Gabi, então a bisa já não consegue perceber mais nada, seu olhar fica só na bisneta querida. O Ma e a Sil também chegaram em seguida, muito bom ter a família reunida em torno da mesa, local de comunhão, de carinho, de diálogo, de gratidão.
Preparei uma salada de alface crespa verde e roxa intermeada em camadas com lascas de castanhas do Pará e queijo parmesão ralado. Um molhinho básico à parte para tempero e com tudo pronto nos sentamos ao redor da mesa, meio apertadinho, mas coubemos os 11 e, de mãos dadas, fomos dirigidos a Deus em oração por nossa neta, que momento especial, singelo, mas de um valor indescritível.
Pena que não tiramos fotos com todos nós.
Depois do almoço, rodízio de doces gostosos, café fresquinho e sentamos todos juntos curtindo o DVD do casamento do nosso filho caçula.
Relembramos, revivemos, nos emocionamos, rimos e vivemos intensamente esta tarde juntos.

Sou grata a Deus pela família, projeto que nasceu no coração do Pai Eterno e é bênção para nossas vidas.
Sou grata a Deus por meu querido esposo, pelos filhos, filha, noras, neta e por aqueles que ainda chegarão.
Sou grata a Deus por meus pais, pelas sementes de amor que plantaram, pelo amor que sentem um pelo outro.
Sou grata a Deus pelas pessoas que Ele tem trazido pra nos ajudar no cuidado com a mamãe neste tempo especial da vida.
Sou grata a Deus por meus sogros, são como meus segundos pais, por meus manos, cunhados, cunhadas, sobrinhos e toda a extensão da nossa grande família.
Sou grata a Deus pela Família da Fé, irmãos e irmãs que repartem experiências de vida com a gente, se unem a nós em oração.
Sou grata porque FAMÍLIA É BÊNÇÃO DE DEUS em nossas vidas.

Que o Senhor continue cumprindo em nossas vidas todos os seus propósitos de acordo com o que diz sua Palavra:
"Eu é que sei que pensamentos tenho a vosso respeito, dia o Senhor; pensamentos de paz e não de mal, para vos dar o fim que desejais." (Jeremias 29.11)

sábado, 24 de setembro de 2011

Má e Sil, parabéns pelos 3 anos. Deus abençoe vocês.

Noivo antes da cerimônia
Noiva antes da cerimônia
a daminha
entrada do noivo e entrada da noiva
durante a cerimônia
já casados!!!
o noivo e as madrinhas/ a noiva e os padrinhos
as famílias
com os avós
Felizes da vida, enfim, sós!
Má e Sil, hoje passei o dia pensando em vocês e me emocionei diversas vezes.
Agradeço a Deus porque Ele trouxe a Sil para o Má.
Sil, já falei, mas vou repetir, você é resposta de oração.
Agradeço a Deus porque presenteou as nossas famílias através da união de vocês.
Agradeço a Deus por aquilo que Ele já fez, por aquilo que está fazendo hoje e por aquilo que fará na vida de vocês.
Vocês são "filhos" preciosos ao meu coração.
Mais uma vez eu os abençoo em nome de Jesus.
Que venham muitos e muitos outros anos juntos por toda a vida de vocês.
Beijos no coração

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Vai começar uma nova estação e aqui...

... ESTOU COMEÇANDO UM NOVO TRABALHO

 Amanhã começa a primavera, estação das flores e eu já tenho orquídeas abrindo ali no meu pequeno jardim.
Primavera é sempre pra mim o anúncio de novas coisas, até porque começo o mês de setembro agradecendo por mais um ano e iniciando um novo.
Amanhã começa a primavera...certamente o Senhor fará novas coisas em nossas vidas.

Pensando em novo, há dias queria começar um novo trabalho ligado a um artesanato que aprendi há anos, mais ou menos uns 42 anos.
Eu morava na Rua Pascal no bairro do Campo Belo, estava iniciando minha adolescência e já gostava de artesanato. Na quadra da nossa casa abriu uma pequena loja de armarinhos e tinha aulas de crochê, tricô, tapeçaria, bordado...  Eu aproveitei para aprender umas coisinhas, creio que andava mais ligada no crochê, tive minhas fases...rsrsrs
Eu achava o máximo na época, a gente podia comprar o material e a aula era de graça, não lembro quantas aulas e nem quantas peças eu fiz.
Em meio a estas aulinhas conheci o crochê tunisiano, comprei uma agulha de madeira e fiz alguma coisa, não me pergunte o que, não sei, mas lembro bem de dar uns pontinhos e achar lindo.
Depois daquilo devo ter usado esta agulha mais umas duas ou três vezes e lembro que durante muito tempo ela estava guardada junto com minhas agulhas de tricô, agora já não está mais e não sei se ainda a tenho, mas já faz dias que me lembrei e estava com vontade de fazer algo, na semana passada, quando fui à 25 de março buscar uma doação de tecidos para o projeto Love Quilts Brasil, dei uma andada por lá e comprei uma nova agulha, vim pra casa toda feliz.
Os dias foram corridos, a agulha ficou lá na sacola no ateliê e hoje, durante o telejornal, além de ouvir sobre o anúncio do início da primavera amanhã logo cedo, às 6:15, também ouvi sobre a queda de temperatura no final de semana, uma previsão de mínima de 13º para o domingo aqui em São Paulo, isto mesmo, primavera geladinha, mas não acho ruim, amo o tempo mais frio. Bem diante das notícias resolvi ir lá no ateliê, vasculhar as minhas lãs que estão guardadas há tempos e pegar minha agulha nova.

Já tinha buscado vídeos de crochê tunisiano para relembrar, então já comecei, estou trabalhando com dois fios de cores diferentes e gostei da mescla tom sobre tom.
31 correntinhas, uma carreira de ponto palito e uma de ponto laçada e aí está o início do trabalho. Fiz uns 8 cm, mas aí achei que estava ficando muito grosso, desmanchei até a primeira carreira de ponto laçada que tinha feito e tornei a fazer só usando este ponto, estou curtindo bastante, veja só:
E vocês, o que acham?
Depois de ter batido as fotos, já trabalhei mais um pouco e o trabalho já está quase o dobro disto.

Logo mostro no que deu, ok?


quarta-feira, 21 de setembro de 2011

21.09.2011 - Entrega de acolchoados no GRAACC

Via Flickr:
Hoje entregamos mais dois acolchoados do projeto Love Quilts Brasil , foi super gostoso e esta foi a equipe de trabalho: eu, Ivani e Lórien

Nossas entregas sempre são muito especiais, uma diferente da outra por conta das crianças, das voluntárias e dos momentos que vivemos e hoje chegou a vez do Kauan e da Maria Fernanda receberem seus acolchoados quentinhos e feitos com muito amor especialmente pra eles.

Além das entregas dos acolchoados a manhã foi especial porque tivemos a participação da Ivani, coordenadora do projeto Love Quilts Brasil, que mora no interior de MG e raramente tem a oportunidade de participar destes momentos.
Além de coordenadora do projeto nos tornamos grandes amigas e sempre é precioso demais quando podemos estar juntas.
Também pudemos ter a participação da Lórien, a caloura na equipe de hoje...rsrsrs, mas não levou trote, a recebemos com bastante carinho e amei conhecê-la pois é uma menina doce e meiga que tem muito jeito com crianças, aliás não poderia ser diferente porque uma de suas atividades é contação de histórias.

Bem, foi um encontro de voluntárias do Love Quilts Brasil, de blogueiras e "artesaneiras", esta palavra me surgiu agora e eu curti...rsrsrs

Pra completar a manhã ótima tive a grande alegria de encontrar a Larissa com sua mamãe Sonia que foi uma das primeiras crianças que eu tive a alegria de participar de uma entrega de acolchoado em junho de 2005, na época ela tinha 3 anos, agora está às vésperas de completar 10, já se passaram 6 anos, foi uma delícia vê-la bem.

O dia não parou por aí, mas o restante conto depois em outra postagem

Estou mega feliz, Deus reserva pra nós momentos muito especiais.

Ivani, amei estar com você mais uma vez.
Lórien, amei te conhecer e espero que façamos muitas e muitas outras entregas juntas

Até a próxima pessoal

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Uma casa portuguesa com certeza

A postagem que eu fiz ontem falava de uma tarde com amigas, um momento muito gostoso.

A vida é feita de muitos momentos e no geral com pessoas que são preciosas para nós  e sempre é bom viver e curtir muito cada um deles.

Ontem eu e o maridão tivemos um momento nosso, fomos ao Restaurante Portucale para almoçar e que almoço!!!! Vale comentar.
Já tínhamos ido em fevereiro e como foi bom, compramos mais uma promoção dos sites de compra coletiva pra aproveitar.
A casa é acolhedora, bonita, serviço atencioso e os pratos são excelentes.
Na vez passada tínhamos comido um BACALHAU A BRÁS - Bacalhau do Porto desfiado, batata palha e ovos mexidos, salpicado com salsinha e azeitonas portuguesas.
Ontem escolhemos o BACALHAU COM NATAS À MOLICEIRO - Bacalhau do Porto desfiado, c/ batatas aos cubos no creme de leite fresco, gratinado.
Eu já queria prová-lo e no sábado nosso filho mais velho disse que tinha ido lá com a esposa e uns amigos na sexta feira e que indicava a casa e o prato.
Detalhe, ele não sabia que nós iríamos e que já tínhamos ido antes e nós já estávamos com a reserva feita para o domingo...rsrsrsrs
As duas opções são ótimas, mas nós dois preferimos a primeira, então precisamos voltar lá outro dia...rsrsrs, aliás vamos voltar para provar uma terceira opção

Passamos momentos gostosos ali conversando, um curtindo o outro e aproveitando este novo tempo de namoro que estamos vivendo. Sabem de uma coisa? Fomos gulosos...rsrsrs, comemos tudinho e, depois, ainda provamos Sonhos de nozes e Queijadinha de sobremesa e arrematamos com um bom cafezinho.
A casa é decorada com detalhes que trazem muito charme e aconchego. Fiquei observando alguns deles e clicando dali de onde estava sentada. curti toda a ambientação, aliás estávamos no salão do fundo e realmente ele é muito bonito.
Na saída mais dois cliques, só não sei o que o Joel estava apontando e falando, estava todo engraçadinho...mas eu amo quando saímos e curtimos estes momentos bem descontraídos.
Fomos revigorados pra iniciar esta semana, que delícia.

Maridão, te amo!!!

Deus, obrigada pelo grande homem que o Senhor preparou pra ser meu esposo, amigo, companheiro, amante..., é o melhor marido do mundo e eu o amo cada dia mais!!!!

Ah! recomendo, vale visitar o Portucale, uma casa portuguesa com certeza.

Até a próxima



domingo, 18 de setembro de 2011

Uma tarde entre amigas


 Esta última semana, na sexta feira passei uma tarde muito gostosa entre amigas queridas, um momento especial, cheio de carinho, risadas, papos, trocas de mimos e comidinhas.

Fomos a uma casa de café colonial que já existe há 31 anos em São Paulo, As Noviças, aliás eu acabei dando a sugestão e elas toparam, foi muito bom pelo nosso encontro.

Quanto à casa já foi muito melhor. 
Lembro que a primeira vez que estive lá foi logo depois da inauguração, ela ficava em outro endereço, na Rua Cotovia, há apenas uma ou duas quadras da Av. Santo Amaro e o local era muito bonito, parecia que estávamos em um convento, com salas mais reservadas.
Era possível conversar com as pessoas que estavam conosco à mesa, a trilha sonora era Canto Gregoriano e muito bonita e a diversidade de pães, queijos, geléias, salgados, tortas, bolos, doces caseiros era enorme de uma qualidade que beirava a perfeição. Tudo isto acompanhado de várias opções de chás, café, chocolate e um suco de uva maravilhoso.
Neste dia que conheci a casa fui em companhia de colegas de trabalho do antigo Instituto de Educação Costa Braga e lá realizamos nossa confraternização de final de ano, saí de lá desejando voltar.
Pouco depois levei minha mãe no dia do aniversário dela, nosso filho caçula era bebê, lembro de levá-lo no cestinho, que na época era chamado de Moisés por conta da história do personagem bíblico que foi salvo em um cestinho providenciado por sua mãe, bem, pude acomodá-lo confortavelmente naquele lugar calmo e curtir uma tarde com minha mãe, ela amou e eu também.
Passado mais um tempo fui com o maridão para comemorar um Dia dos Namorados, depois disso viramos fãs e fomos algumas outras vezes levando também os filhos, aliás naquela época houve uma febre de Casas de Chá pela cidade, fomos a várias delas, algumas eram ótimas, outras bem sofríveis, mas sem dúvida "As Noviças" era a melhor delas, tanto que fez nome e existe até hoje.
Nos últimos 10 anos ela estava em outro endereço da Av Cotovia, mais próxima ao Shopping Ibirapuera, mas, neste novo local, por mais que tentasse preservar o clima intimista, já perdeu um pouco do encanto e, infelizmente, estive neste local por três ou quatro vezes e o serviço, a variedade e qualidade também sofreram prejuízo, mas ainda assim era um bom lugar para passar uma tarde agradável com amigas, por isso sugeri.
Depois de ter feito a sugestão e elas terem topado a idéia então soube que já estavam em outro endereço, agora mais próximo ao Aeroporto de Congonhas, que horror, bem debaixo da rota de aviões, um barulho que incomoda bastante. A casa já não tem mais nada de intimista, não toca mais Canto Gregoriano, as mesas são próximas, é impossível ouvir tudo o que se conversa e éramos um grupo pequeno e, se não bastasse, a variedade e qualidade caíram bastante além do preço que mesmo estando em promoção é caro para o serviço que estão apresentando, que saudades do bom suco de uva e até do consomê servido como entrada nas épocas de inverno.

Ah! Mas deixa eu voltar a falar do encontro, este sim foi bom demais e o tempo foi pouco para tudo que queríamos conversar...rsrsrs
Fui a primeira a chegar, até por morar mais próximo e estava anciosa pela chegada das amigas. Depois chegou a doce Gê, conversamos, conversamos e já estávamos morrendo de fome, afinal já passava das 15:30 e não tínhamos almoçado, a casa foi ficando mais cheia e resolvemos pedir uma mesa e, mais uma pouco de tempo, chegaram a Iara e a Eli, faltava a Ju, mas ela também chegou, êba! 
Nossa alegria e agitação era imensa, cada uma a seu jeito mostrava como aquele momento era especial.
Nós nos conhecemos pessoalmente há pouco mais de 2 meses na Mega Artesanal, eu já tinha contato com a Iara e lá fiquei andando com ela e com a Ju, mas conheci algumas outras amigas, contei um pouco sobre isto aqui, e desde então nos falamos muito através das redes sociais, por isso foi maravilhoso estarmos juntas outra vez.
Amei que a pôde ir porque ela esteve meio dodói nestes dias, mas Deus é muito bom e permitiu que ela estivesse lá conosco, foi bom conhecer um pouco mais esta menina doce e depois ainda peguei uma caroninha...rsrsr. Ah! temos algumas coisas parecidas em nossa caminhada no mundo do artesanato.
A Iara foi a que deu o pontapé para este novo encontro e deixou a gente bem curiosa preparando seu novo "Kit amiga fofa"...rsrsrs, cheio de carinho e coisas lindas. Amiga que já conhecia a todas nós antes da Mega e é responsável pela união de nosso grupo, muito fofa esta menina querida e prestativa.
As Eli veio de mais longe, com seu sorriso meigo e verdadeiro nos aqueceu com sua alegria e delicadeza e também nos presenteou com uma sacolinha no maior capricho e recheada com mimos fofos. Amei saber mais sobre ela e sua família, enfim vamos descobrindo mais sobre nossas diferenças e afinidades e nos tornamos mais próximas. Eli, amei seu abraço e te conhecer mais de pertinho, obrigada.
A Ju é a mais quietinha da turma, ou então não demos oportunidade pra que ela falasse muito...rsrsrsrs, mas é meiga e dona de uma abraço pra lá de especial, uma designer de jóias delicadas e nos presenteou com brinquinhos, a nós e às meninas das nossas famílias. Ju, não resisti, acabei mesmo presenteando a Gabi com o delicado brinco de estrelinhas e ela amou, nem comentei, mas na véspera do nosso encontro ela perguntou se eu tinha um brinco que servia pra ela...rsrsrs, foi providencial, que delícia, fiquei tão feliz por isso, você não faz ideia.
Bem gente, é lógico que eu também não podia deixar de levar um mimo para estas amigas queridas, tinha visto na Chocolândia umas caixinhas com estampas de cupcake e fiquei apaixonada por elas, comprei e fiquei imaginando o que iria colocar ali, minha semana foi bem diferente do que eu tinha previsto, então precisei ser prática, fiz biribinhas, docinhos que sempre fazem sucesso aqui em casa e gostei da ideia pois fiquei imaginando que os familiares de cada amiga gostariam de ser alvo de carinho também, parece que acertei...rsrsrs

Depois fiquei pensando sobre isto, perceberam que sou a mais velha deste grupo de amigas né? Que privilégio conviver com cada uma delas, mas que responsabilidade também.
Creio que fico meio "mãezona" e então, enquanto escrevo aqui, estou pensando no que a Palavra de Deus fala sobre isto, aliás é o que Ele, o Senhor, fala ao meu coração agora, por isso penso na responsabilidade.
Em Tito, capítulo 2, versículos 1 e 3 a 8 diz o seguinte, na tradução da Nova Versão Internacional:

"Você, porém, fale o que está de acordo com a sã doutrina. Semelhantemente, ensine as mulheres mais velhas a serem reverentes na sua maneira de viver, a não serem caluniadoras nem escravizadas a muito vinho, mas a serem capazes de ensinar o que é bom. Assim, poderão orientar as mulheres mais jovens a amarem seus maridos e seus filhos, a serem prudentes e puras, a estarem ocupadas em casa, e a serem bondosas e sujeitas a seus próprios maridos, a fim de que a palavra de Deus não seja difamada. Da mesma maneira, encoraje os jovens a serem prudentes. Em tudo seja você mesmo um exemplo para eles, fazendo boas obras. Em seu ensino, mostre integridade e seriedade; use linguagem sadia, contra a qual nada se possa dizer, para que aqueles que se lhe opõem fiquem envergonhados por não terem nada de mal para dizer a nosso respeito."

Foi uma tarde linda, um momento especial ao meu coração, é claro que queríamos ter outras amigas ali, inclusive lembramos de algumas, uma  em especial que estava na Mega conosco e tem sido muito presente em nossa vida real através do mundo virtual, super amada também né Sil?
Tomara logo possamos nos encontrar de novo e, se Deus quiser, num grupo maior de amigas.

Meninas queridas, obrigada pelo amor, carinho, amizade e. .. cada uma de vocês fez e faz bem à minha vida. 
Beijocas 1000 nos corações.

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Love Quilts Brasil continua entregando acolchoados

Faz tempo que não faço postagem contando sobre o projeto Love Quilts Brasil, agora quero mostrar alguns acolchoados entregues este ano que tive a alegria de estar participando mais de perto.

Todo acolchoado tem um bloco no canto inferior direito que chamamos de bloco de assinatura, geralmente este bloco é bordado por 4 mãos, uma voluntária borda o texto padrão e outra borda o nome da criança.
Este ano eu bordei o nome em três deles:
NATHALIA - que recebeu seu acolchoado no mês de fevereiro
ANA CAROLINA - recebeu em abril
e
MICHEL - que recebeu seu acolchoado no mês passado lá no Rio de Janeiro.

Além dos blocos de assinaturas também temos os blocos de ponto cruz.



Este ao lado foi entregue ao Felipe e o tema do acolchoado era Esportes Radicais

E aqui um acolchoado com o tema Religioso Cristão que foi entregue ao Rian.




Os dois receberam seus acolchoados no mês de agosto também.

A maioria dos acolchoado é formada também por blocos de patchwork, no geral a voluntária faz uma série de 13 blocos iguais.
No acolchoado do Jonathan está a última série que eu fiz e foi interessante porque era um acolchoado de Super Heróis mas fechado em dois personagens: Homem Aranha e Ben 10, o desafio era fazer um bloco que como diria no meu tempo de infância "ornasse" com os dois, creio que valeu o resultado, o que acham?
Tinha falado um pouco sobre isto quando os blocos ficaram prontos
Amo participar deste projeto, ontem já fizemos mais 5 entregas, e daqui um tempinho tenho as fotos e posso contar e mostrar como foi, ok?
Por hoje é isto.
Uma boa noite a todos.

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Um mimo lindo que chegou ontem

No mês passado eu participei de um sorteio no blog Vida, amor e risadas da Fabi Teixeira e ganhei...rsrsrsrs, o sorteio foi no dia 20, vejam aqui.
Nossa, fiquei super feliz quando vi e pensei na minha neta, aliás já tinha pensado nela quando me inscrevi pra participar, bem amei ganhar, mas amei ainda mais porque através deste sorteio pude conhecer uma nova amiga virtual, que legal!

Vejam só quanta delicadeza, uma toalhinha super fofa que ela fez, uma lixa de unha incrementada, 4 esmaltes, 1 bloquinho de anotações com imã - muito legal pra deixar na geladeira, 1 pacote de adesivos chamosinhos que não é BomBril, mas tem 1001 utilidades...rsrsrs e um lindo carão postal de Porto Alegre com dizeres que falam ao coração.
Vou dividir os esmaltes com a neta e ela vai ficar feliz super feliz! Também vou separar uns adesivinhos pra ela pois está naquela fase de ficar colocando adesivo em agenda e o que mais encontrar.

Fabi querida, amei participar, curti ganhar e com isto ganhei seu carinho e amizade e isto não tem preço, muito obrigada.
Deus abençoe sempre as obras de suas mãos.

Beijos no coração, Aracy

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Há um ano em Barcelona

Via Flickr:
Uma boa lembrança que tive agora enquanto trabalho em muitas coisas.
Quer saber como foi?
Visite blog cantinho da Aracy
Esta e outras postagens da época, se for lá me fala, combinado?
Beijos
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...